CGADB descumpre ordem judicial e anuncia vitória do pastor José Wellington Junior




As eleições da CGADB (Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil) tiveram mais um capítulo confuso e polêmico no último domingo, 09 de abril, que havia sido escolhido previamente como a data para a votação que definiria o novo presidente da entidade, assim como os novos secretários. A Justiça ordenou a suspensão do pleito e a ordem foi ignorada.
A votação que deveria ter sido interrompida por ordem da juíza Angélica dos Santos Costa, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, não foi atendida, e a eleição foi realizada.


noticias.gospelmais.com.br