Por medo de ser agredido, Sérgio Cabral está sem tomar banho em presídio, diz jornal

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio, Jorge Picciani, visitou na semana passada o ex-governador Sérgio Cabral no conjunto penitenciário de Bangu.
Encontrou-o, naturalmente, muito abatido e desesperado. Cabral o recebeu assim:
— Pelo amor de Deus! Peça pro Pezão mandar de novo um caminhão-pipa para cá. Quando tinha água em abundância, eu era festejado pelos outros presos. Agora, com água racionada, há dois dias que não tomo banho com medo de ser fisicamente molestado por eles.