Jovens abaixam fuzil para receber oração de pastor em favela do Rio Dois jovens soltam o fuzil.


Uma foto está rodando o Brasil e o mundo: dois jovens soltam o fuzil, em uma favela do Rio, para receber a oração do Pastor Nilton, que já foi traficante e é respeitado nas comunidades.
Nas Olimpíadas que ocorrem no mês de agosto, no Rio de Janeiro, a preocupação é grande com o crescimento da criminalidade na capital carioca e de rumores que o Brasil é o próximo alvo de atentados terroristas.

Muitos desses pastores são ex-criminosos que deixaram a vida fora da lei para serem pastores de igrejas tradicionais (como a Assembleia de Deus) ou de agremiações novas, criadas por eles mesmos.Igrejas evangélicas atuam de maneira respeitável em diversas comunidades com altos índices de criminalidade, tráfico de drogas, assaltos e homicídios.